quarta-feira, junho 19, 2024
spot_img
InícioEspecialidadesOftalmologiaReumatismo pode causar inflamação ocular que leva à cegueira

Reumatismo pode causar inflamação ocular que leva à cegueira

Cerca de 15 milhões de pessoas sofrem com reumatismo no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. Esse nome é dado a um conjunto de mais de 200 patologias que afetam as articulações, músculos, ligamentos e tendões. Além de causar dores e prejudicar a mobilidade, as doenças reumáticas podem estar associadas a uma série de outras complicações, incluindo a uveíte, uma inflamação ocular grave que pode levar à cegueira.

A uveíte é constantemente confundida com uma conjuntivite, pela similaridade de alguns sintomas como olhos vermelhos, sensibilidade à luz e visão embaçada. Se não for tratada, a uveíte pode levar a complicações como catarata, glaucoma, perda progressiva da visão e, por fim, a cegueira.

Segundo a diretora científica da Sociedade Mineira de Reumatologia, Ana Flávia Madureira, a relação entre as doenças reumáticas e a uveíte está na forma de se contrair a doença. “A uveíte é uma inflamação do olho que pode ocorrer na câmara média, inferior ou superior da região ocular e é causada por infecção ou inflamação. Algumas doenças reumáticas podem levar à inflamação ocular, dando início à uveíte e suas complicações”, disse a médica.

Apesar de ser mais frequente em adultos de até 45 anos, a uveíte pode acometer pessoas de todas as idades, inclusive, crianças. Quando acomete criança, a patologia crônica recebe o nome de artrite idiopática juvenil e pode levar à perda de visão. O grande problema, segundo Ana Flávia, é que a doença pode se manifestar de maneira assintomática. “A uveíte pode não apresentar sintomas, por isso toda criança com problemas reumáticos deve fazer o exame oftalmológico de rotina, chamado fundo de olho, assim como o paciente adulto”, diz. Quando os sintomas se manifestam, o paciente pode sentir dores e vermelhidão na região dos olhos.

Ainda de acordo com a média, a uveíte pode ou não ter cura, dependendo da forma de contágio. Quando se manifesta devido à infecção, a uveíte pode ser curada com o tratamento da infecção. Quando são causadas por inflamações, a uveíte não tem cura, mas pode ser controlada. “A doença precisa ser tratada assim que o paciente recebe o diagnóstico. Se não, o quadro pode evoluir e resultar em complicações”, completou.

Como prevenir?
Assim como é para o tratamento, só existe prevenção para a uveíte cuja origem é infecciosa. Nesse caso, o cuidado está em evitar lesões oculares pelo contato das mãos sujas com areia, por exemplo, que podem estar contaminadas. Para quem sofre de doenças reumáticas, a prevenção está em realizar periodicamente o exame ocular de rotina. Para diagnosticar a uveíte, os especialistas podem prescrever exames de sangue e de imagem. “O diagnóstico precoce é fundamental para preservar a integridade da visão”, ressalta Ana Madureira.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

Mais Lidos