quarta-feira, fevereiro 21, 2024
spot_img
InícioPalavra de EspecialistaCampanha Janeiro Branco convida a repensar a vida para o ano novo

Campanha Janeiro Branco convida a repensar a vida para o ano novo

Campanhas geram conscientização, combatem tabus, mudam paradigmas e orientam os indivíduos a respeito de questões importantes para as suas vidas. A campanha Janeiro Branco não é diferente. Ela convida a sociedade a cuidar da saúde mental e emocional.

Nascida em janeiro de 2014, em Uberlândia (MG), ela se espalhou por todo o Brasil e alguns outros países do mundo, como Angola, Japão, Colômbia, Estados Unidos, Portugal e Holanda. No Brasil, a Saúde Mental virou pauta nacional, tornando-se Lei Municipal e Lei Estadual ao longo dos últimos anos e estabelecendo, simbólica e oficialmente, o mês de janeiro como o mês da Saúde Mental em vários municípios e estados do país.
Ao estilo do Outubro Rosa e do Novembro Azul, o Janeiro Branco objetiva chamar a atenção da humanidade para as questões e necessidades relacionadas à saúde mental e emocional das pessoas e das instituições humanas, pois acredita-se que uma humanidade mais saudável pressupõe uma cultura da saúde mental no mundo, onde teremos pessoas mais saudáveis emocionalmente.

Mas por quê “Janeiro Branco”? Porque, no primeiro mês do ano, em termos simbólicos e culturais, as pessoas estão mais propensas a pensarem em suas vidas, em suas relações sociais, em suas condições de existência, em suas emoções, em seus sentidos existenciais e em metas de vida. Assim, como em uma “folha ou em uma tela em branco”, todas as pessoas podem ser inspiradas a escreverem ou a reescreverem as suas próprias histórias de vida.

Em um mundo caracterizado por graves índices de adoecimentos mentais e emocionais, além de múltiplas formas de violências —concretas e simbólicas – a saúde mental pode ser considerada a maior riqueza da humanidade! Portanto, falar sobre Saúde Mental é de fundamental importância. As pessoas precisam de mais informações sobre o assunto. A educação socioemocional e a psicoeducação podem mudar o mundo.
E o que o Janeiro Branco realiza? A mobilização da sociedade a respeito do assunto e a promoção/circulação de informações e de conhecimentos sobre esse assunto. Além disso, busca também conscientizar as autoridades governamentais e legislativas do mundo a respeito da importância de estratégias e de políticas públicas voltadas para a promoção da Saúde Mental nas sociedades.

Você e a sua instituição também podem participar do Janeiro Branco: basta planejarem ações em nome da campanha e em prol de uma cultura da saúde mental na h umanidade! Organize grupos, células de trabalho, ações individuais (ou coletivas) e ajude a humanidade a receber informações sobre este assunto. E principalmente: CUIDE DE SUA SAÚDE MENTAL E EMOCIONAL, CUIDE DA SAÚDE MENTAL E EMOCINAL DE NOSSAS CRIANCAS!

 

* Gislaine Soares é é psicóloga, especialista em Terapia Cognitivo Comportamental e Neurometria

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -spot_img

Mais Lidos